Os Pros e Contras do Canadá

  • quinta-feira, fevereiro 19, 2015
  • By Nicole Regiane
  • 11 Comments

Hoje eu resolvi mostrar que nem tudo são as mil maravilhas e contar para vocês 5 pontos positivos e negativos de se morar no Canadá.


Vamos começar pela parte boa, os pontos positivos:


 A segurança e boa, e a polícia e uma das mais bem-sucedidos e respeitados em todo o mundo. Se você ligar para a polícia eles chegam em menos de 5 minutos. 


. Os ônibus são MARAVILHOSOS, rápidos, confortáveis e eles abaixam para idosos, cadeirantes e gestantes, entrarem.


“Ah o elevador do ônibus abaixa nê?” Não, o ônibus inteiro abaixa, serio. Eu fiquei de cara, muito bacana. Além e claro de chegarem no ponto no horário exato. Se está escrito 11:07am, o ônibus vai chegar 11:07am, nem um minuto a menos, nem a mais. E o mais bacana, eles têm aplicativos de telefones para você conferir onde seu ônibus esta, quando chega o próximo e qual você deve pegar. 


3º A educação daqui e considerada uma das melhores do mundo e para receber o diploma de ensino médio aqui você tem que falar mais de uma língua (no caso mais uma língua que não seja inglês). Mas como a maioria aqui e imigrante a língua materna já vale como segunda língua. Caso a pessoa não tenha vindo de outro pais, a segunda língua normalmente e o francês (que é a segunda língua do pais).


 Tem pessoas de diversos países aqui, e elas te respeitam não importa de onde você veio, ou seu nível de inglês.

 Os canadenses são muito educados, tudo para eles e na base do, por favor, obrigada e desculpa. Se eles esbarram em você eles vão falar desculpa umas 300 vezes e terminar com uma desculpa.  E eles também são muito gentis. Recebi vários cartões, de aniversario, formatura, natal. Uns amores!



Agora vamos aos pontos negativos:

 O sistema de saúde daqui é muito diferente do Brasileiro. Aqui, nós temos o médico de família, ou seja, se você tiver algum problema de saúde você precisa se consultar com o seu médico de família para ele te indicar um especialista, se for o caso. Muitas vezes, a lista de espera para se consultar com um especialista é de 3 meses ou mais. Não estou brincando, eu marquei um médico em novembro e a minha consulta vai ser em marco. Caso você se machuque em e precise de atendimento rápido (Olá Nicole que torce o joelho na escola), você pode ir a uma clínica de emergência ou ligar para a ambulância. Mas os atendimentos são por ordem de gravidade, então as filas de espera podem durar horas, longas horas. Quando eu torci o joelho na escola, fui levada de ambulância e atendida em 2 horas, foi rápido porque era uma emergência, mas 1 semana depois veio o boleto de 45 dólares da ambulância, mas eu fui bem tratada e por isso nem liguei.

2º A ambulância e paga, e o carro de bombeiros também (se você chamar os bombeiros por motivos bobos). O valou da ambulância para quem tem plano de saúde do governo e de 45 dólares, mas se você não tem um plano de saúde o valor de 245 dólares. E caso você chame o corpo de bombeiros sem necessidade, lá se vão 500 dólares seus.

 O frio aqui e uma coisa insana. Chega a quase -40ºC, e acredite o frio dói muito e resseca a sua pele. Sem falar que se você não andar preparado com roupa aprova d’ água, você congela e isso e uma dor absurda. Mas por outro lado a neve e linda e tudo fica muito lindo durante essa época, e bem magico.
Dica: Para saber se um casaco e aprova d’ água basta assoprar. Se o ar passar a agua também passa.


As casas são feitas de madeira para serem aquecidas mais facilmente pelo aquecedor. Porém, se você acidentalmente deixar uma vela em casa, ou o pisca-pisca da arvore de natal der curto já sabe né. Mas relaxem que isso acontece raramente, e as casas tem seguro.

E proibido beber bebidas alcoólicas em público. É permitido beber bebidas alcoólicas apenas em bares, pubs, restaurantes, boates, cassinos e eventos legalizados.
O que vocês acharam dos pros e contras? Qual desses impressionou mais vocês? Me contem nos comentários

Se tiver alguma dúvida sobre o que levar para a viagem confira esse post: Checklist para uma viagem de avião
Para acompanhar um pouco mais das minhas aventuras, é só seguir nas redes sociais: 

Me chamo Nicole. Nasci em Brasília, mas moro no Canada. Acredito que cada lugar nos marca de alguma maneira. Criei esse blog para compartilhar as coisas que amo com vocês.

You Might Also Like

11 comentários