Sociedade apenas PARE

  • quarta-feira, outubro 28, 2015
  • By Nicole Regiane
  • 1 Comments


Eu postei esse texto abaixo tanto no meu facebook quanto na pagina do blog. Postei com um pouco de receio do que as pessoas achariam. Mas no final eu recebi muitas mensagens lindas, de pessoas me dizendo como eu consegui expressar o que elas passavam em palavras. Fiquei muito feliz com isso e resolvi postar o mesmo texto aqui tambem. Vou tornar meu blog meu, e colocar mais sobre a minha vida nele por isso esse nao vai ser o ultimo texto.

Leia esse texto ouvindo a musica abaixo / Read this text listening to the music below

[Translation in the end]

Eu vou fazer aqui um pequeno texto/desabafo sobre o modo que a sociedade julga as pessoas e contar um pouco do que eu passei. Se tiver interesse de ler sobre isso continue, caso contrario, tudo bem.


Enfim, desde que me mudei para o Canada eu percebi que muitas pessoas se aproximaram de mim por interesse, outras por querer minha amizade mesmo, mas essas eram poucas.
Passei minha vida inteira ouvindo:
“quem usa muita maquiagem e puta”
“quem tira foto de biquíni ou de corpo inteiro só quer se exibir”
“mulher tem que saber isso... mulher tem que fazer aquilo”
“está se arrumando pra quem?”
“mulher não pode xingar”
“esconde essa testa grande... esconde a orelha, TA FEIO”


Ok eu poderia passar horas escrevendo cada uma das frases que já me falaram na vida, mas esse não e o proposito desse texto.
Eu passei minha vida inteira ouvindo que cada e tudo o que eu fazia era errado e que meu corpo era feio e eu devia ESCONDER, principalmente na escola.
Ah como eu detestava a escola (nada contra os professores ok?), eu tinha que atuar dia após dia as zoações dos meus “colegas” porque eu não era bonita, ao menos não do padrão de beleza deles. Nunca gostei de seguir modinhas, eu queria ser diferente. Mas ao mesmo tempo em que eu queria ser diferente eu era zoada. Dai agora você se pergunta “Zoada? Como assim”, vou resumir alguns exemplos:


- Eu era muito boa com as pessoas, sim eu era então se aproveitavam disso pra rir da minha cara por qualquer motivo.
- Me filmavam quando eu não estava olhando pra fazer algum GIF ou rir depois.
- Me forcavam a ficar com algum aluno do 3º ano (eu nunca fiquei), mas não era forcar de falar, era forcar MEEEEEEEEESMO tipo me empurrando e tudo mais.
- Riam da minha cara e faziam piadinhas quando eu falava que ia morar no Canada e que o único Canada que eu ia era o Canada das drogas
- Falavam que se eu morresse ninguém ia sentir falta de mim
- Riam toda vez que eu apresentava trabalho na frente da sala e gritavam “fala mais alto!” “hahaha ta engasgada com o que?” “vai lá coisa bonita”
- Quebravam meus lápis e canetas e sempre que eu ia de tiara para a escola quebravam também


Acho que chega nê? Eu nunca avisei pra ninguém porque sempre achei que meus problemas eram muito pequenos e que minha família estaria muito ocupada e sem tempo pra isso.


Eu passei a vida inteira me detestando, eu olhava no espelho e me achava à coisa mais feia da face da terra. Eu não dava a mínima pra maquiagem, e tinha pouquíssimos amigos e os que tinha eu podia contar em menos de uma mão.
Ta, minha mãe faleceu em 2012 logo quando eu achava que tudo ia melhorar. Passei meses fingindo ser forte e engolindo o choro. Fico muito agradecida de ter tido os melhores amigos possíveis pra me fazer rir durante aquela época. Porque eles foram como uma família pra mim. Fora eles, acho que uma ou outra pessoa da minha família se importou em me perguntar como eu estava. Mas enfim.
Em 2013 eu me mudei para o Canada, com aquele medo de sofrer tuuuuuuuudo que eu passei na escola de novo. Mas não, felizmente eu to amando todo e cada momento que eu to vivendo aqui. E um sonho, tudo e lindo e as pessoas são incríveis. Eu agradeço a Deus por estar aqui, e incrível e eu nunca fui tão feliz.
Agora vem a parte que eu queria chegar.
Eu fico cansada às vezes, cansada de ver que se você for diferente da sociedade você não e aceito. Que saco cara! Não pode comer 1 vez ao século em restaurante chique e postar que e metida. Não pode postar foto de biquíni que está se achando, não pode falar que está doente ou passando mal que esta querendo ser a coitada. Não pode postar uma foto (às vezes ate uma foto antiga) na praia ou de alguma viagem que você leva uma vida mansa. Não pode ir em algum show que está esbanjando dinheiro. Não pode postar foto ou comentar sobre alguma viagem que você fez ao exterior que você “ta esfregando na cara das pessoas”.


PORRA! Que sociedade chata!
Vocês por um acaso já se colocaram no lugar da pessoa que vocês criticam? Isso e nojento e doentio! PAREM
Ok pode ser que a pessoa quer mesmo se exibir mais E DAI? PARA DROGA, que saco vocês. E depois vem falar que o ser humano e o único que raciocina direito. MERDA NENHUMA!
Ate meu hamster tem mais cérebro que muito ai. Zoar uma pessoa por causa da religião dela ou do corpo dela? Cara que coisa idiota.


Fica aqui o meu pedido: SE COLOQUEM NO LUGAR DOS OUTROS ANTES DE JULGAR ALGUEM, E MESMO ASSIM NÃO JULGUEM.
(Desculpa os xingamentos, não achei maneira mais fácil de me expressar)




[ENGLISH]


I came here to write a small text about the way society judges people and I am going to tell a little bit of what I went through. If you're interested in reading about this to continue, otherwise okay.
Anyway, since I moved to Canada I realized that many people approached me for a price, others for wanting my friendship even, but these were few.
I spent my whole life listening to:


"Who wears too much makeup is a bitch"
"People that take pictures wearing bikinis or full body pictures just want to show off"
"Women have to know that ... woman have to do this…"
"You are getting ready for who?"
"Women cannot swear"
"Hides this large forehead ... hides this ear, THIS IS UGLY"


Ok I could spend hours writing each of the phrases that someone ever told me in my life, but this is not the purpose of this text.
I spent my whole life listening to each and everything I did was wrong and that my body was ugly and I should HIDE especially at school.
Oh how I hated school (nothing against teachers ok?), I had to hear day after day the jokes of my "colleagues" because I was not pretty, at least not on their beauty standard. I never liked to follow trends, I wanted to be different. But at the same time I wanted to be different I was judged. Now you wonder "How?" I will summarize a few examples:
- I was very nice to people, but people took advantage of that to laugh in my face for any reason.
- They filmed me when I was not looking to make a GIF or laugh later.
- They forced ,e to kiss a student from grade 12 (I never did), but it was not forcing telling me to do it, they forced me pushing and everything.
- They laughed in my face and made jokes when I said to was going to live in Canada. They also said that the only Canada that I was going was the “Canada of the drugs”
- They said that if I died no one would miss me
- They laughed every time I had to present in front of the class and shouted "! Speak louder" "hahaha are you chocking or what?" it "go there beautiful thing"?
- They broke my pencils and pens and whenever I went to school wearing a tiara also broke it


I think it’s enough right? I never told anybody that because I always thought my problems were very small and my family would be very busy with no time for that.
I spent a lifetime hating myself; I looked in the mirror and thought I was the ugliest thing on earth. I did not give a damn about makeup, and had very few friends and the ones I had I could count with less than one hand.
My mother died in 2012 just when I thought everything would get better. I spent months pretending to be strong and swallowing the tears. I am very grateful to have had the best possible friends to make me laugh during that time. Besides them, I think either person in my family cared to ask me how I was. But whatever.
In 2013 I moved to Canada, with the fear of suffering everything I did at school again. But no, fortunately I am loving each and every moment that I'm living here. It’s a dream, everything is beautiful and the people are amazing. I thank God for being here, it’s incredible and I've never been so happy.
Now comes the part I was trying to get at.
I get tired sometimes, tired of seeing that if you are different from society and you do not get accepted. No one can eat once a century on a fancy restaurant and post it that you area show off. You cannot post a photo wearing a bikini that you are thinking it better than others, cannot say that you are sick or not feeling well that you want people to feel sorry. You cannot post a picture (sometimes even an old picture) on the beach or in any trip you have an easy life. You cannot go on any show that you are wasting money. You cannot post picture or revise any trip you made abroad that you are “showing off"
FUCK! Such a boring society!
Do you by chance have put themselves in the shoes of the person that you criticize? This and disgusting and unhealthy! STOP
Ok it may be that the person really wants to show off but WHO CARES? STOP, you guys piss me off. And then people say that the human being and the only species that can think reasoning right. NO!
I think my Hamster has more brains then many people out there. Jokes a person because of her religion or her body are such a stupid thing.
Here is my request: PUT YOURSELF IN PLACE OF OTHERS BEFORE JUDGE SOMEONE, AND EVEN SO DO NOT JUDGE.




(Sorry for the swearings, did not think the easiest way to express myself)

Me chamo Nicole. Nasci em Brasília, mas moro no Canada. Acredito que cada lugar nos marca de alguma maneira. Criei esse blog para compartilhar as coisas que amo com vocês.

You Might Also Like

1 comentários